Google

07 julho 2008

Cidadã Kane

Imagina um cara formado em Direito, com iate, tem um bom pé de meia, dirige um Mercedão, roupas de grife. tudo que uma pessoa resumiria como “felicidade”, né!? Não é o caso deste magnata chamado Charles Kane. Faltava algo em sua vida: amor. Seus relacionamentos não duravam mais que 6 semanas (seria o tempo médio que uma acompanhante pode estar com o cliente? ).

.


Sam e sua ex-esposa, nos anos 90

Foi ai que ele teve a brilhante idéia de MUDAR DE SEXO. Antes, Sam Hashimi, passou a ser Samantha uma-loiraça-belzebu-provocante

Kane, em 1997.


Samantha Kane, sua versão loira. Entrava no shopping e era direto: menos de 5 minutos para escolher o vestido certo e sair.


Só que a vida é uma coisa muito louca. O tempo passou e ele(a) notou que havia passado 7 anos e que não conseguia viver como uma mulher, que precisa freqüentar shoppings (heeeelllo!!! 2008) e se preocupar com a aparência. Além disso, não tinha o que mais queria: uma boa transa

afeto. E lhe ocorreu outra idéia magnifica: Por que não voltar a ser homem de novo!?

E foi isso que o cara fez, se tornando, então, Charlie Kane. Ele diz não ser um transexual e, sim, uma pessoa que estava confusa após tantas desilusões amorosas, como o fim do casamento de 12 anos. Deixou para trás silicones, cabelos compridos, maquiagem e, hoje, toma doses de testosterona e refez seu “brinquedo” que só funciona dando aquela calibrada antes (if you know what i mean). Sua feição ainda é muito feminina, devido as cirurgias plásticas que fez para ser Samantha.



O mix que ele é hoje: Sam+Samantha = Charlie
Kane


“I am a real man. I feel 100 per cent a man, but I am a sensitive, modern man. All I want is to be accepted and loved for who I am.”


Então, pra quê tanto vai e vem…?


Qual conclusão tiramos disso tudo!?
Dinheiro não traz felicidade e não é indicativo para ter indecisões sexuais.

Nenhum comentário:

Não deixe de ler também: